Início Destaques Polícia Civil prende suspeito de invadir banco em Cuiabá

Polícia Civil prende suspeito de invadir banco em Cuiabá

143
0

Powered by WP Bannerize

Foi preso pela Polícia Civil um dos suspeitos de participar da invasão e furto a agência de cooperativa de crédito Sicoob, em Cuiabá. A prisão ocorreu na tarde de terça-feira (25), horas depois do crime, que ocorreu durante a madrugada do mesmo dia.

A agência, localizada na Avenida Carmindo de Campos, teve duas paredes e o cofre arrombados. O furto só foi descoberto quando amanheceu e os funcionários chegaram para trabalhar e perceberam que havia um buraco na parede dos fundos.

Em seguida, um boletim de ocorrência foi registrado na Central de Flagrantes e o caso já começou a ser investigado pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Câmeras de segurança filmaram uma pessoa em uma motocicleta parada em frente à agência bancária e tirando fotos do local no dia anterior ao roubo.

Com essa e outras informações colhidas, os investigadores identificaram um dos suspeitos. Ele estava em posse de uma motocicleta, exatamente a mesma vista nas câmeras nas imediações da agência.

Ainda segundo a GCCO, o suspeito, de 27 anos, não esboçou nenhum tipo de reação durante a abordagem e, quando percebeu que seria preso, começou a se debater dentro da viatura afirmando que seria inocente e que não tinha nada a ver com o furto.

A GCCO já estava investigando esse suspeito após receber uma denúncia de que ele havia adquirido as ferramentas utilizadas na prática de furtos em caixas eletrônicos.

A unidade da Polícia Civil apura ainda a participação dele em outros dois furtos ocorridos no último final de semana, em agências localizadas na Avenida Getúlio Vargas e na Avenida Rubens de Mendonça, ambas em Cuiabá.

Após ser preso, o suspeito foi conduzido pelos agentes para a sede da GCCO. “O individuo foi autuado em fragrante delito pelos crimes de furto qualificado e associação criminosa e na sequência será encaminhado para audiência de custódia”, explicou o delegado titular da GCCO, Vitor Hugo Bruzulato.

O delegado ainda garantiu que a investigação segue em andamento para apurar e identificar os demais integrantes do grupo criminoso envolvidos no furto à cooperativa de crédito.

Fonte: Mídia News

Powered by WP Bannerize