Início Destaques Deputados de MT gastam R$ 1,4 milhão de cota parlamentar; bolsonaristas lideram

Deputados de MT gastam R$ 1,4 milhão de cota parlamentar; bolsonaristas lideram

8
0

Entre os meses de janeiro a maio de 2022, os deputados federais de Mato Grosso utilizaram R$ 1.427.791,35 da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (CEAP), para custeio das despesas do mandato, como passagens aéreas e conta de celular, passagens entre outros. As informações constam do Portal Transparência da Câmara dos Deputados.

Liderando o ranking de gastos, os deputados bolsonaristas Nelson Barbudo e José Medeiros filiados ao Partido Liberal. Em cinco meses, Nelson Barbudo (PL) usou R$ 237.477,60 da cota parlamentar e o deputado José Medeiros (PL), que utilizou R$ 223.356,08 da cota parlamentar. A maioria dos gastos foram com locação de veículos e divulgação da atividade parlamentar.

Ocupa a terceira posição no ranking de gastos, a deputada federal Professora Rosa Neide (PT) que usou R$ 192.125,26 da cota parlamentar. No período de janeiro a maio, a petista utilizou a maioria dos recursos em locação de veículos, divulgação de atividade parlamentar e manutenção do escritório de apoio.

Já o deputado federal Dr. Leonardo (Republicanos) usou R$ 166.919,63. Entre os gastos do parlamentar estão a divulgação da atividade parlamentar, locação de veículos, hospedagem e combustíveis. Em seguida vem o deputado de Sinop (a 504 km de Cuiabá), Juarez Costa (MDB), que gastou R$ 164.905,58 da cota. Entre os gastos estão manutenção de escritório de apoio à atividade parlamentar, locação de veículos e divulgação.

Os gastos dos deputados emedebistas Carlos Bezerra e Valtenir Pereira somam R$ 131.033,68. Bezerra utilizou R$ 67.265,93 em janeiro e fevereiro e durante sua licença, o deputado federal Valtenir Pereira utilizou R$ 63.767,75 da cota parlamentar. Os valores correspondem aos meses de março, abril e maio. Estão entre os gastos, combustíveis, divulgação de trabalho parlamentar e consultorias.

O deputado federal Neri Geller (PP), que utilizou R$ 159.111,38, sendo que o maior gasto foi em locação de veículos. Em seguida, o deputado Emanuel Pinheiro Neto (MDB) usou R$ 146.180,34 entre janeiro e maio. Os gastos foram com divulgação da atividade parlamentar, combustíveis e locação de veículos.

Fonte: Vgn Notícias