Início Destaques Servidor do Indea denuncia PMs por racismo e agressão em Cuiabá

Servidor do Indea denuncia PMs por racismo e agressão em Cuiabá

15
0

O servidor do Instituto de Defesa Agropecuária (Indea), Benedito Joaquim Moraes Alvarez, 48, denunciou que sofreu agressão de policiais militares motivadas por racismo, durante abordagem ao veículo em que estava na madrugada de quarta-feira (11), em Cuiabá.

Benedito afirmou que é deficiente auditivo e mora em Cáceres (225 km de Cuiabá). Ele veio até a Capital para uma consulta médica, pois, passou por uma cirurgia há cerca de 50 dias. Por ser servidor do Indea, ele fica hospedado na sede do sindicato dos trabalhadores do órgão, localizado no bairro Morada do Ouro.

Quando chegou em Várzea Grande, o carro do servidor deu problema e, por ser tarde, ele ligou para o seu cunhado, que iria levá-lo até o lugar onde ele se hospedaria para a consulta.

 

No caminho, eles foram abordados por uma viatura da Polícia Militar. Na ordem, os policiais mandaram Benedito, seu cunhado e seu sobrinho saírem do veículo, mas por conta do problema auditivo do servidor, ele ficou confuso e acabou não obedecendo ao comando.

Neste momento, os policiais tentaram segurar o servidor pelo braço e dar um mata leão, mas ele acabou se soltando e levou uma rasteira dos policiais.

Imagem: Reprodução

Deixe uma resposta