Início Notícias Polícia Civil encontra R$ 35 mil com bandidos do Novo Cangaço

Polícia Civil encontra R$ 35 mil com bandidos do Novo Cangaço

15
0

A Polícia Civil informou que apreendeu R$ 35.251 com a dupla presa nesta quarta-feira (23) acusada de integrar a quadrilha de bandidos do Novo Cangaço.

 

Os suspeitos foram encontrados em Nova Monte Verde (a 943 km de Cuiabá), que fica na região de Nova Bandeirantes, onde o bando aterrorizou moradores e roubou duas cooperativas de crédito no último dia 4.

 

No momento da prisão a dupla estava tentando comprar um carro em dinheiro vivo para seguir fugindo do cerco policial montado nas cidades.

 

Com eles, além do dinheiro, a Polícia Civil apreendeu um fuzil, munições e roupas camufladas usadas na ocasião em que cometeram o crime.

 

Na noite de terça-feira (22), a Polícia já havia conseguido recuperar mais R$ 45.025 do dinheiro levado das cooperativas. Com a soma dos montantes, a Polícia Civil já apreendeu mais de R$ 287 mil roubados pelo bando.

 

Segundo apurou a reportagem, a dupla presa hoje estava hospedada no Hotel Mato Grosso, onde estavam escondidas a arma, munições e roupas. Imagens das câmeras de segurança do estabelecimento foram entregues à Polícia para ajudar nas investigações.

 

Os dois homens, cujas identidades não foram reveladas, são os primeiros integrantes da quadrilha presos desde que se iniciou a caçada.

 

Até agora, seis dos assaltantes foram mortos em dois confrontos com policiais do Bope (Batalhão de Operações Especiais) e Força Tática.

 

O primeiro aconteceu no dia 10 de junho, resultando na morte de Romário de Oliveira Batista, Luiz Miguel Melek e Maciel Gomes de Oliveira e Waldeir Porto Costa.

 

O segundo ocorreu na segunda-feira (21), quando morreram Diego de Almeida Costa e Adailto

 

O delegado da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) , Victor Hugo Bruzulato Teixeira, afirmou que a dupla presa será autuado por crimes de roubo majorado, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo e munições de uso restrito.

 

Agora o delegado vai pedir que essa prisão em flagrante seja convertida em prisão preventiva.

 

Hoje completa o 19º dia de operações em Nova Bandeirantes e suas imediações. Apesar do avanço nas investigações, o delegado diz que as forças de segurança seguem no Município para identificar e localizar os suspeitos que ainda seguem foragidos.

Imagem: Divulgação

Deixe uma resposta