Início Cidades Casal ‘mora’ em um Sandero e quer conhecer belezas de MT

Casal ‘mora’ em um Sandero e quer conhecer belezas de MT

122
0

Powered by WP Bannerize

Carina Furlanetto e João Paulo Mileski, ambos de 35 anos, chegaram ao município de Comodoro (664 km a Oeste) essa semana, com o propósito de conhecer as belezas de Mato Grosso e atingir a meta de visitar todo os estados do país. O casal de jornalistas está há quase dois anos em viagem por países da América do Sul a bordo de um Sandero 1.0 e compartilha as alegrias e perrengues da vida na estrada no perfil Crônicas na Bagagem, que se tornou livro com mesmo nome.

Em entrevista ao GD, eles contaram que é a primeira vez que pisam em terras mato-grossenses e estão com boas expectativas do que podem encontrar no percurso pelo estado nos 40 dias que pretentem ficar.

“Estamos recém-começando nossa passagem pelo Mato Grosso então não podemos dar um feedback já de imediato”, afirmou João Paulo.

O Pantanal mato-grossense e as belas cachoeiras de Chapada dos Guimarães são destinos prioritários no roteiro dos viajantes, que adapataram o carro popular para que mudessem chamá-lo de casa.

“Temos bastante curiosidade com o Pantanal aqui do Mato Grosso e também de Mato Grosso do Sul. Tem muitas opções de ecoturismo aqui no estado. A gente vai olhando as fotos e vamos vendo umas cachoeiras com águas cristalinas, a Chapada dos Guimarães também, gostamos muito de chapadas […] Essa parte de belezas naturais é o que mais nos atrai”, explica Carina.

Ao final do percurso pelo país, um segundo livro deve ser escrito com dicas e experiências durante o tempo em que viveram “sobre rodas” viajando pelo país. Todo o trajeto é documentado no Instagram Crônicas na Bagagem, que tem mais de 100 mil seguidores.

 

A primeira noite em Comodoro teve o estacionamento de um posto de combustíveis como abrigo.

Antes de “cair na estrada”

Antes de decidirem se jogar na aventura de morar em um carro, Carina e João Paulo trabalharam a maior parte da carreira em jornal impresso. Eles atuavam em veículos concorrentes na mesma cidade. O casal estava cansado da rotina da redação e decidiu mudar de vida. A ideia de viajar já existia, mas agora a vontade de colocar em prática veio com mais força.

“O projeto inicial era fazer uma viagem de dois anos e voltar a trabalhar. Tipo um ano sabático (risos). A pandemia acabou mudando um pouco a nossa ideia. Criamos formas de gerar receitas enquanto viajamos. Escrevemos livros, criamos outros produtos como camisetas, canecas e e-books com dicas de viagem”, explica Carina.

João Paulo conta que os dois não deixaram de exercer a profissão tendo em vista que agora contam a própria história através de crônicas escritas por eles.

 

Veículo Sandero adaptado

O carro popular que virou a “casa” de Carina e João Paulo é um Sandero 1.0 que passou por algumas adaptações para que móveis fossem instalados. Esse é o primeiro carro do casal e decidiram viajar nele para que o sonho fosse realizado logo, visto que não tinha dinheiro para comprar um veículo maior ou um motorhome. Ou iam no Sandero ou teriam que esperar mais tempo sair pelo mundo.

“Tiramos o banco de trás [do carro] e improvisamos uma cama do tamanho de casal de 1.80 por 1.30 e, por consequência, não gastamos com hospedagem. Estamos na estrada há 120 dias e  não pagamos nenhuma hospedagem. Dormimos em posto de combustível, praças de cidades, estacionamentos de supermercados, praça de pedágio, estacionamento de hospital”.

Uma bateria extra também foi adaptada no veículo, o que permite ao casal preparar as refeições em uma panela elétrica. Dessa forma, eles evitam gastos “comendo fora”. Conforme João, os principais gastos são com combustíveis e compras no supermnercado.

Atualmente, eles contam com o apoio da Renault para a manutenção do veículo.

 

 

 

História

O casal de saiu de Bento Gonçalves (RS) no dia 03 de maio de 2021 e, desde então, além do Rio Grande do Sul, também já passaram por Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Maranhão, Piauí, Tocantins, Pará, Amapá, Roraima, Amazonas, Rondônia e Acre.

Em 2019, a bordo do mesmo veículo, o casal realizou uma aventura de quase 14 meses por 10 países sul-americanos, história contada no livro “Crônicas na Bagagem: 421 dias na estrada – uma jornada de desprendimento pela América do Sul”.

Após o retorno ao Brasil, o objetivo era conhecer todos os estados do país, mas a pandemia acabou forçando uma pausa na continuidade da expedição. “Conhecemos praticamente todo o nosso subcontinente e agora estamos tendo a oportunidade de conhecer de verdade o nosso país. Foram mais de 56 mil quilômetros até chegar a Mato Grosso e estamos ansiosos para conhecer tudo o que o estado tem a nos oferecer”, conta Mileski.

Fonte: Gazeta Digital 

Powered by WP Bannerize