Início Destaques Francieli segue medida do governo para conter o aumento do Covid-19 em...

Francieli segue medida do governo para conter o aumento do Covid-19 em Leverger

10
0

Seguindo as medidas restritivas adotadas pelo governador do estado de Mato Grosso, Mauro Mendes apoiada pelo presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi, a prefeita de Santo Antônio de Leverger, Francieli Magalhães juntamente com sua equipe, decidiram seguir as ações do governo com a seguintes medidas:

“As novas medidas de restrições passam a vigorar na quarta-feira, 03.03.2021”.

A prefeita Francieli se mostrou muito preocupada com a situação no município, já que em todo momento, surgem notícias do agravamento do sistema de saúde, com dados de superlotação de leitos, inclusive na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que está entrando em colapso.

“Temos que trabalhar rápido de forma preventiva, evitar a contaminação, as aglomerações, utilizar da biossegurança, fazer uso constante de máscaras, álcool 70%, lavar as mãos, evitar os contatos e buscar ficar em casa, sempre que possível”, ressaltou a prefeita.

Para Francieli equilibrar a economia neste período de pandemia é importante, mas o principal objetivo das medidas, é resguardar a vida da população.

Horários das medidas adotadas pela Prefeitura de Leverger:

Toque de recolher: das 22hs às 5hs

Horário de funcionamento do comércio de segunda a sexta: 5hs às 20hs.

Sábado e domingo: 5hs às 15hs.

Acesse abaixo o Decreto de Número 20 emitido pela prefeita Francieli.

DECRETO COVID NOVAS RESTRIÇÕES MARÇO.2021

 

Último Boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Município de Santo Antônio de Leverger

O cenário da Covid-19, preocupa a gestão Francieli Magalhães com os seguintes dados:
511 – Confirmados
1 – Enfermaria
1 – UTI
23 – Óbitos
31 – Em monitoramento
2188 – Teste realizados

Ao foram registrados 64 casos confirmados na última semana.

Confira as novas medidas adotadas pelo Estado:

De segunda à sexta, proibição de todas as atividades econômicas das 19h às 5h. Aos sábados, a proibição será após o meio-dia. Nos domingos, nenhuma atividade será permitida. A exceção fica por conta das farmácias, serviços de saúde, funerárias, postos de gasolina (exceto conveniências) e indústrias.

Nos horários permitidos, as atividades econômicas deverão respeitar as medidas de segurança, como o uso de máscara, distanciamento e limitação de 50% da capacidade máxima do local.

Os serviços de entrega por Delivery seguem autorizados até às 22h.

O transporte coletivo e congêneres (Uber, 99, etc) podem funcionar normalmente.

Toque de recolher a partir das 21h até às 5h, com proibição de circulação.

Projeto de Lei que prevê multa a pessoas físicas e às empresas que descumprirem as normas, bem como notificação à Polícia Civil e Ministério Público.

Nos órgãos públicos estaduais, fica suspenso o atendimento presencial em todas as secretarias e órgãos do governo, com exceção das unidades finalísticas. Quanto a jornada de trabalho, cada secretaria/autarquia vai disciplinar medidas para redução do fluxo de pessoas

Por Da Redação
Fotos: Jota Jota

Deixe uma resposta